Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




RuiVaz.jpg

 

Rui Vaz afirmou que o seu novo álbum, “À Moda Portuguesa” é um tributo à cantora Florência, a celebrar 50 anos de carreira, e com a qual gravou “De Rosa ao Peito”.

O CD, produzido pelo músico Lino Lobão, é constituído por 18 temas, sendo “a primeira parte do álbum o tributo a Florência, apenas com temas do seu repertório, e, a segunda, com temas do Cancioneiro Popular Português”, disse Rui Vaz.

Do repertório de Florência Rui Vaz gravou onze temas, além da canção “De Rosa ao Peito”, também “Moda da Amora Negra”, “Ó Ai, Ó Linda”, “Senhora Mãe”, “Baila que Baila”, “Lenda de Viana”, “Noite de S. João”, “O Porto Canta” e “Cantiga do Douro", entre outros.

Em declarações à Lusa, Florência afirmou-se “emocionada com este presente, nos 50 anos de carreira”. A intérprete recordou os “grandes letristas e compositores, nomeadamente José Guimarães e Resende Dias”, que escreveram para si, cita o Notícias ao Minuto.

"Rui Vaz escolheu aqueles [temas] que foram os meus maiores êxitos, canções bonitas, melodiosas, que ficavam no ouvido”, disse à Lusa a cantora, natural do Porto. Florência destacou “a bonita e excelente voz [de Rui Vaz], à qual alia uma interpretação cuidada”.

Rui Vaz gravou com Florência “De Rosa ao Peito”, que foi a milésima produção da parceria José Guimarães e Resende Dias, “e um dos maiores êxitos da Florência, a par da 'Moda da Amora Negra’”, disse à Lusa o intérprete.

 

RuiVaz_CDcapa.jpg

 

O cantor afirmou que Florência é uma das suas “maiores referências”. “Na realidade foi com a Florência que aprendi a arte de bem cantar, em quem me baseei para a minha maneira de cantar, e com quem se aprende a pisar um palco. A Florência, como costumo dizer, é uma instituição, uma escola”, sublinhou Rui Vaz.

Além de Florência, Rui Vaz partilha a interpretação de “Um Adeus que Me Esqueceu” com Pedro Ferreira, de “Cantiga do Douro” com Maria do Sameiro, d'“O Porto Canta” com Catia Garcia, e com as Adufeiras de Monforte da Beira, “Senhora do Almortão”.

Sobre estas escolhas, Rui Vaz afirmou: “São pessoas que me são próximas e eu gosto de trabalhar com amigos, e de quem a Florência também gosta, e é ela quem quero homenagear”. Rui Vaz referiu-se a Florência como “uma das nossas cantoras mais brilhantes, mas injustamente esquecida, que continua com uma voz maravilhosa”.

Neste CD, editado pela Quarta Vaga, Rui Vaz é acompanhado pelos músicos Bruno Bravo, no acordeão e concertina, João Ferreira Martins, na guitarra portuguesa e na viola braguesa, Pedro Almeida, na percussão e sopros, José Almeida e Alexandre Cavalheiro, nos adufes, além das Adufeiras de Monforte.

Do repertório tradicional, Rui Vaz gravou “Cantiga de Oledo”, “Vira de Santa Marta”, “Vira dos Malmequeres” e “Tia Anica de Tavira”.

Sobre o CD Rui Vaz afirmou que “o importante é destacar a carreira brilhante de Florência, que, apesar da discrição com que a fez, alcançou sucesso internacional. Além do mais, disse, grande parte do seu repertório é hoje cantado por muita gente, desconhecendo-se que são criações suas”.

O intérprete editou no ano passado “Fado em Prelúdio”, no qual gravou inéditos e temas de outros artistas, como Amália Rodrigues e Fausto.

Rui Vaz decidiu cantar fado por volta de 2008, pois até então “não tinha o hábito de ouvir fado”. Iniciou o percurso no Algarve e, em 2010, fixou-se em Lisboa, onde fez parte dos elencos de casas de fado como Velho Pateo Santana, S.Miguel de Alfama e Esquina d’Alfama, onde atualmente canta.

A sua estreia discográfica foi em 2012, com o álbum “Recorda-te de mim”, ao qual sucedeu “Fado em Prelúdio”.

A apresentação oficial do CD “À Moda Portuguesa. Rui Vaz Canta Florência” será no Porto, “em data a anunciar, brevemente”, mas, entretanto, Rui Vaz vai cantar alguns dos temas no dia 29 de setembro, no Festival Bica de Azeite, em Monforte da Beira, na Beira Baixa.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)




Bem-vindo


Parcerias


Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

Visitas

Flag Counter