Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Páginas-do-Cancioneiro.jpg

 

A Fundação das Casas de Fronteira e Alorna e Associação dos Amigos desta instituição celebram, na próxima quinta-feira, no Palácio de Fronteira, a S. Domingos de Benfica, em Lisboa, o V centenário do Cancioneiro Geral de Garcia de Resende, com um conjunto de iniciativas.

Às 19:30, a “Memória e atualidade do Cancioneiro Geral (1516)” é debatida numa mesa-redonda, composta pelos investigadores Cristina Almeida Ribeiro, Isabel Almeida, Luiz Fagundes Duarte e Zulmira Santos, moderada por Vanda Anastácio.
Às 20:00, realiza-se um recital de música e poesia do tempo do Cancioneiro Geral, de Garcia de Resende, pelo grupo coral O Tempo Canta, dirigido pelo maestro Sérgio Peixoto, e leituras por Joana Machado, Paulo Godinho e Raquel Coelho.
O Cancioneiro Geral foi publicado em 1516 e constitui uma compilação de poesia palaciana, reunida pelo escritor eborense Garcia de Resende.
O cancioneiro reúne poemas dos séculos XIV e XV, tanto em língua portuguesa como em castelhano.
Garcia de Resende (1470-1536) foi cronista da corte do rei D. Manuel I e, nesta coletânea, reuniu cerca de 300 autores, entre os quais João Roiz de Castel-Branco, Sá de Miranda, Bernardim Ribeiro e ele próprio.

Autoria e outros dados (tags, etc)




Bem-vindo


Parcerias


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D

Visitas

Flag Counter