Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




 

 

A cantora e compositora Teresa Gabriel apresenta o seu mais recente álbum, “Rites of Passage”, em três festivais na Hungria, entre eles, o de Ozora com uma audiência de 30.000 pessoas.
Nos três Festivais Teresa Gabriel apresenta-se a solo e acompanhada pela banda Freedom Café, uma formação constituída por “hang-drum”, violino, violoncelo, guitarra e vozes.
Na próxima sexta-feira, dia 11, Teresa Gabriel atua no Festival Celebração da Alma, na localidade de Uzsa, na região de Veszprém, no noroeste da Hungria.
O Festival de três dias apresenta-se no seu sítio na Internet como uma “experiência única” em que “se pode passar o tempo despreocupadamente e em comunhão com a natureza”.
Sobre o álbum, em declarações à Lusa em março último, em vésperas de ser editado, a compositora realçou que, para a sua concretização, teve “uma forte inspiração em projetos de consciencialização ambiental” em que esteve envolvida.
No dia 22 de julho, a compositora e cantora portuguesa atua no S.U.N. (Solar United Natives) festival na região de Nograd, no norte da Hungria, em Csobankapuszta, onde atua no palco principal. Segundo a organização do S.U.N., anualmente o certame reúne entre 20 mil e 30 mil espetadores.
O CD “Rites of Passage” é constituído por 15 temas, maioritariamente interpretados em inglês, compostos por Teresa Gabriel, que se inspirou na sua experiência, em viagens que fez e nas pessoas que tem conhecido.
“Há também uma forte inspiração em projetos em que me envolvi, de consciencialização ambiental, como o ativismo sagrado, e projetos sociais, que visam criar alternativas às pessoas”, acrescentou.
O “ativismo sagrado”, explicou a compositora, procura “ir ao encontro das questões essenciais, ter uma visão mais ampla e não ficarmos presos a uma visão nacional”.
No dia 02 de agosto, Teresa Gabriel atua no Festival de Artes de Ozora, na região de Tolna, no centro da Hungria.
Este festival, cujo subtítulo é “Tribal Gathering Psychedelic”, além de música, inclui, na sua programação, artes visuais, circo, dança e teatro, e conta com a participação de 30 mil pessoas, anualmente, segundo a organização.

Do álbum de Teresa Gabriel, editado pela Numérica, fazem parte, entre outras, canções como “Indigo Revolutions”, “The Balence will be restored”, “Wings of the Angel”, “Golden Dust”, “Divine Motherweood” e “Gracias”, que encerra o disco.

Foto: barlounge.blogspot/FMS

Autoria e outros dados (tags, etc)




Bem-vindo


Parcerias


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D

Visitas

Flag Counter