Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Foto Rui Soares.JPG

 Organista Rui Soares.

 

O organista Rui Soares abre, no sábado, dia 09 de abril, o VI Ciclo do Órgão Histórico da Igreja de São Vicente de Fora, em Lisboa, no qual, até dezembro, conta com a participação, entre outros, de João Vaz e de Jan Willem Jansen.
Os concertos no órgão Fontanes, de tipologia ibérica, com 250 anos, realizam-se todos os segundos sábados de cada mês, às 17:00, até dezembro, com um repertório composto por peças dos séculos XVI a XVIII, segundo o site da RTP.
No ano passado, o ciclo contou com cerca de 8.000 espetadores, segundo dados da organização.
Rui Soares abre o ciclo, com um recital composto por Tocatas, Variações e Batalhas, de compositores como Diogo da Conceição, Giovanni Picchi, Bernardo Storace, Gerolamo Frescobaldi, Johann Ernest Everin, Johann Kaparkerll e Pedro Araújo.
Natural de Fiães, em Santa Maria da Feira, na Beira Litoral, Rui Soares é organista e cravista, tendo, a título excecional, sido admitido aos 14 anos, na Escola de Ministérios Litúrgicos, da Diocese do Porto.
Em 2005, sob orientação de Luca Antoniotti, concluiu o Curso Complementar de Órgão no Conservatório Regional de Vila Nova de Gaia. No ano seguinte, completou o III Curso Nacional de Música Litúrgica na vertente direção.
Rui Soares é licenciado em Música Sacra pela Escola das Artes, da Universidade Católica do Porto, onde finalizou, com a nota máxima, a disciplina de Órgão.
Em 2012, finalizou “cum laude” o mestrado em Música Antiga no Conservatório de Amesterdão, onde estudou cravo na classe de Tileman Gay, órgão na de Pieter van Dijk e estuda, regularmente, com o cravista e regente Ton Koopman, fundador do Coro e Orquestra Barroca de Amesterdão.
Rui Soares é organista na igreja de N.S. da Conceição, no Porto, e responsável pelos concertos diários na igreja dos Clérigos, também nesta cidade. Além de Portugal, já atuou em Espanha, França, Suíça, Itália e Holanda.
No dia 14 de maio, atua a classe de órgão da Escola Superior de Música de Lisboa, e, no dia 11 de junho, toca Hans-Ola Ericsson, membro, desde 2000, da Real Academia Sueca de Música.
Organista e compositor, Ericsson é professor na Escola de Música da Universidade de Tecnologia Piteå/Luleå, na Suécia, e, desde 2011, professor e organista na Schulich School of Music, na Universidade McGill em Montreal, no Canadá.
Em julho, no dia 09, o concerto é com o holandês Jan Willem Jansen, que, a par da sua atividade como solista, tem feito parte de vários ensembles barrocos, nomeadamente La Chapelle Royale, de Paris, e Collegium Vocale de Gant, do maestro Philippe Herreweghe, Hèsperion XXI, de Jordi Savall, Les Sacqueboutiers de Toulouse, de Jean-Pierre Canihac e Daniel Lassalle, e Ensemble Baroque de Limoges, do violoncelista Christophe Coin.
Jansen é organista titular do órgão Ahrend do Musée des Augustins e do da Basílica de Notre-Dame de la Daurade, em Toulouse, no sudoeste de França.
A 10 setembro, toca Elisa Freixo. Em outubro, no dia 08, Elmo Cosnentini e, no dia 12 de novembro, André Ferreira.
O ciclo encerra no dia 10 de dezembro, com o organista titular de S. Vicente, João Vaz, acompanhado pelo Coro de Câmara da Escola de Música Vitorino Matono, sob a direção de Diogo Rato Pombo.

 

TelaConcertoOrgao_2016(1).jpg

 Segundo João Vaz, o órgão histórico de S. Vicente de Fora "tem a vantagem de se encontrar em estado quase original", tendo tido "uma intervenção de restauro de pouca monta, em finais do século XIX, e novamente no século seguinte", em 1956/1957 e, depois, em 1977. 

A última intervenção, mais profunda, concluída em 1994, foi realizada por Claudio e Christine Rainolter, tendo sido repostos materiais originais, realçou João Vaz.
O VI Ciclo do Órgão Histórico da Igreja de São Vicente de Fora é organizado pelo Patriarcado de Lisboa, a celebrar 300 anos da sua criação, e a editora Althum.

Foto: Althum/FMS

Foto: Althum/FMS

Autoria e outros dados (tags, etc)




Bem-vindo


Parcerias


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D

Visitas

Flag Counter