Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




14937369_10154692023954910_1468503318225953915_n.j

 

César Matoso a celebrar oito anos de carreia fadista, apresenta no dia 19, o seu segundo álbum, “Saudade singular”, no Cine-Teatro Louletano, em Loulé, no Algarve.

O novo CD é constituído “na sua maioria, por poemas originais”, alguns de autoria do fadista, e “com uma acentuada presença de melodias de fado tradicional, a par de músicas inéditas”, disse à Lusa o fadista.
César Matoso não quis adiantar pormenores, “antes de o CD ser apresentado e estar disponível no mercado, para a surpresa surtir efeito”.
“É um trabalho que contou com a colaboração de vários músicos de fado e não só, e no palco do Louletano o público vai poder conhecer este novo trabalho tal como foi concebido com todos músicos e com as minhas motivações”, disse.
César Matoso, de 25 anos, natural de Alte, freguesia do concelho de Loulé, após ter experimentado vários estilos musicais e de ter estudado Artes do Espetáculo na variante de Teatro, iniciou-se no fado em 2007.
Em 2010 estreou em Loulé o seu primeiro projeto profissional, “Os fados do fado”. “A minha entrada no fado deveu-se ao músico Valentim Filipe que me fez me fez o desafio, e realmente, como refere um fado, ‘vim para o fado e fiquei’”, disse César Matoso.

Autoria e outros dados (tags, etc)




Bem-vindo


Parcerias


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D

Visitas

Flag Counter