Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




16723285_qGk0V.jpeg

O novo álbum do violinista Bruno Monteiro é dedicado à obra para violino e piano do compositor polaco Karol Szymanowski, e é editado no dia 01 de abril, disse o músico à Lusa, segundo o site Notícias ao Minuto.

“Reúne-se pela primeira vez, neste CD, as obras deste mestre do século XX para esta formação de violino e piano”, realçou Bruno Monteiro.
À semelhança dos álbuns anteriores para esta formação, nomeadamente o dedicado a Saint-Saens e Richard Strauss, editado pela CNM, neste novo CD, o violinista é acompanhado pelo pianista João Paulo Santos.
O anterior trabalho discográfico deste duo, editado pela Naxos, registou a integral para violino e piano e violino solo de Fernando Lopes-Graça (1906-1994). O CD com peças de Lopes-Graça recebeu elogios da crítica especializada, designdamente a revista britânica Gramophone, que escreveu que “o Prelúdio e Fuga e os Esponsais para violino solo são cruelmente expostos e exigentes, sendo as suas dificuldades expedidas com uma segurança e eloquência infalíveis por Bruno Monteiro”.
“A ele se junta João Paulo Santos, num resto do programa, uma parceria virtuosa na caça ao fantasma do Presto, da Segunda Sonata e no Galope (Prelúdio, Capricho e Galope), onde o compositor quase chega a relaxar num 'jeu d’esprit', embora não sem uma corrente sarcástica”, acrescentou a mesma revista, para considerar em seguida tratar-se de um “disco altamente bem-sucedido, não apenas para os exploradores de música que estão fora dos circuitos habituais”.
A BBC Music Magazine afirmou, por seu turno que “Bruno Monteiro e João Paulo Santos tocam esta música exuberantemente inventiva com uma sensação intuitiva pela sua imprevisibilidade jocosa”.
A revista norte-americana Strings Magazine afirmou que o violinista “mergulha nestas obras evocativas com intensidade desenfreada, e com o seu som rico e escuro envolve as sonatinas”.
“É um desempenho de bravura de um jovem artista rumo ao estrelato, que engrena na música de seu país nativo do século XX e que estende um convite poderoso ao mundo da música para apreciar um compositor lamentavelmente negligenciado [Lopes-Graça] e que deveria ficar ao lado dos outros grandes nomes de sua época”, rematou a revista.
A também norte-americana Classical Candor apontou Monteiro como “um dos mais relevantes violinistas de Portugal, atuando como concertista, solista de concerto e como músico de câmara nos mais importantes centros musicais do país e internacionais, incluindo o Carnegie Hall”.
Referindo-se aos dois músicos, a Classical Candor afirmou que “tocam de uma forma tão afetuosa e encantadora, que mal se pode esperar por ouvi-los tocar novamente”.
Bruno Monteiro foi o primeiro violinista português a gravar as sonatas para piano e violino de Robert Schumann, num álbum com distribuição mundial.
Natural do Porto, Monteiro concluiu o curso de violino na classe de Carlos Fontes com 20 valores e trabalhou posteriormente com Gerardo Ribeiro. Com um mestrado em "violin performance", pela Manhattan School of Music de Nova Iorque, aperfeiçoou-se em Chicago, também nos Estados Unidos, com o violinista israelita Shmuel Ashkenasi.
João Paulo Santos é diretor de Estudos Musicais e de Cena do Teatro Nacional de S. Carlos, desenvolvendo paralelamente uma intensa atividade como pianista acompanhador e chefe de orquestra.
O maestro e pianista dirigiu e tocou nas principais salas portuguesas e apresenta-se regularmente com a violoncelista Irene Lima e a soprano Ana Ester Neves, além de Bruno Monteiro.
O CD dedicado ao compositor Karol Szymanowski (1882-1937) será editado pela discográfica neerlandesa Brilliant Classics. 

Foto: DR/FMS

Autoria e outros dados (tags, etc)




Bem-vindo


Parcerias


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D

Visitas

Flag Counter