Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




A Fundação Amália Rodrigues divulgou os distinguidos com os Prémios Amália, que serão entregues no dia 02 de outubro, durante a VIII Gala Amália, no Teatro S. Luiz, em Lisboa.

A lista de premiados integra a fadista Teresa Tarouca, 71 anos, distinguida com o Prémio Amália Rodrigues, na categoria Carreira, e a cantora Maria Bethânia, 67 anos, na categoria Internacional.

O guitarrista Carlos Gonçalves receberá o Prémio Compositor, as fadistas Gisela João e Maria da Nazaré, receberão, respectivamente, os prémios Revelação e Intérprete, o poeta Vasco Graça Moura receberá o Prémio Autor, e Jaime Santos Jr. o de Melhor Instrumentista.

O Prémio Álbum do Ano foi para “Fados de Amor”, de Rodrigo Costa Félix, e o de Divulgação para a Rádio Alfa, de Paris.

O júri, presidido pelo poeta Tiago Torres da Silva, atribuiu este ano um novo galardão, Prémio Saudade, que honra a memória da fadista Hermínia Silva, falecida em 1993, e um Prémio Especial ao construtor de cordofones Óscar Cardoso.

Em 2006, o júri da 2.ª edição dos prémios decidiu entregar um Prémio Especial ao cantor e compositor da Música de Coimbra, Fernando Machado Soares.

Teresa Tarouca, criadora de fados como “Cai chuva do céu cinzento” e “Testamento”, respetivamente dos poetas Fernando Pessoa e Alda Lara, foi em 2013 agraciada pelo Presidente da República com a Ordem do Infante e os jurados do Prémio Amália consideraram que “seria uma ingratidão esquecê-la”, segundo a zgência Lusa.

Maria Bethânia, que há três anos cantou numa missa em memória de Amália, foi distinguida pela “sua aproximação ao fado” e pelo “respeito e dedicação" à fadista portuguesa, segundo a mesma fonte.

Carlos Gonçalves, 75 anos, acompanhou Amália Rodrigues nos últimos anos da carreira e compôs vários fados para o seu repertório, como “Amor de Mel, Amor de Fel”, “Grito” e “Lágrima”.

A Gisela João, que editou em junho o seu primeiro álbum, no qual registou alguns temas do repertório de Amália, como “Maldição” e “Sei finalmente”, a quem desejam os jurados “um futuro brilhante”.

Maria da Nazaré, 67 anos, começou a cantar ainda jovem e aos 17 anos foi contratada pela então Emissora Nacional, onde participou no popular programa “Serão para trabalhadores”. A fadista de “inegável qualidade”, como afirma o júri, foi distinguida em 2003 com o Prémio Carreira pela Casa da Imprensa, segundo o despacho da Lusa.

Vasco Graça Moura, distinguido com o Prémio Autor, tem sido um poeta interpretado por fadistas como Cristina Branco, Mísia, Mariza e Ana Sofia Varela, entre outros.

Jaime Santos Jr., filho de Jaime Santos, instrumentista que acompanhou Amália Rodrigues, é apontado como “um dos maiores executantes de viola de fado da sua geração”, escreve o júri citado pela agência.

Justificando o Prémio Álbum do Ano para “Fados de Amor”, de Rodrigo Costa Félix, o júri refere "a evolução do intérprete", a "cuidadosa escola do repertório poético/musical" e o facto de a revista norte-americana "The Atlantic" ter apontado o tema "Amigo aprendiz", de Tiago Bettencourt, como "uma das melhores baladas do ano de 2012".

Sobre Hermínia Silva, que interpretou êxitos como “Fado da Sina”, "Fado da cigana", "Fado Golegã" e “É tão fresca a melancia”, salienta o júri “a admiração de Amália Rodrigues” pela fadista que, com a certeza, “gostaria de entregar”.

O júri, presidido por Tiago Torres da Silva, foi constituído pelo músico e produtor discográfico Carlos Manuel Proença, a fadista Ada de Castro, o escultor Francisco Simões e a locutora Dina Isabel.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)




Bem-vindo


Parcerias


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D

Visitas

Flag Counter